A Via Sacra tem início na Rotunda dos Pastorinhos (Rotunda Sul) e segue o caminho habitualmente percorrido pelos 3 pastorinhos de Aljustrel até à Cova da Iria. O caminho termina no Calvário Húngaro, cuja capela é dedicada a Santo Estêvão, rei da Hungria.

Foi neste lugar que ocorreram as aparições do Anjo da Paz no ano de 1916, e uma aparição da Virgem Maria no dia 19 de agosto de 1917.

As catorze estações da Via-sacra e a capela, oferecidas pelos católicos da Hungria, foram projetadas por Ladislau Marec.

Este é um local de absoluta reclusão, totalmente preservada, onde as oliveiras e as azinheiras definem o espírito do local.