Inaugurado no âmbito das comemorações do Centenário das Aparições, o mural, de cor terracota, encontra-se na parede exterior do cemitério de Fátima, homenageando, não só todo o Povo de Fátima, mas sendo também um memorial aos que já partiram.

Da autoria do artista plástico fatimense Martinho Costa, o mural foi construído em pedra, originária da pedreira pertencente à empresa mecenas do projeto, Filistone, incidindo sobre a temática da terra, as suas gentes e as suas dinâmicas.